Deixo a vida me despedaçar em sorrisos, lágrimas, abraços, partidas, esperas, chegadas, esperanças renascidas.
Sou retalho alinhavado pela poesia.


Renata Fagundes


"... sejamos delicados e se necessário for, cruelmente delicados..." Affonso Romano de Sant'Anna









16 de dezembro de 2010

Enquanto ele não vinha




Enquanto ele não vinha, o amor hibernava. Esperava, fazia inverno na alma e a qualquer momento flutuaria no correr das águas do recomeço. Enquanto a saudade caía, virava infinito. Que o Sol finda a espera, já se sabe. Mas ela queria o paralisar dos cílios de quem eterniza estações de risos no coração. 
Queria o pingar dos sonhos atravessando os lábios. 
Coisa terna que faz milagre dentro da gente.

“Congela alegrias e acumula vontades” – derretia.

Priscila Rôde
 
 
 
 
 
 

10 comentários:

  1. Ah Renata,

    que ALEGRIA!


    Beijos no seu coração!

    ResponderExcluir
  2. Lindas palavras
    Doces muito doces!
    Um beijo querida!Ótima quinta!
    Ju

    ResponderExcluir
  3. Humm dorei a escolha daqui..
    Lindo demais, ahh eu quero pra mim!
    rsrs vou levar pode?
    humm já levei!

    beijÔ Menina de alma delicada...
    Adoroooooo SEMPRE!

    ResponderExcluir
  4. doce, doce, doce!

    Pri tem uma ternura....


    Lindo seu canto. beijos

    ResponderExcluir
  5. Simples e puro assim!
    Que singelo
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Enquanto ele não chegava, as horas simplesmente passavam, não eram mágicas.

    Enquanto ele não a pegava no colo, seu dia não começava, tampouco acabava.

    Enquanto ele não a beijava, seu fôlego era nada, facilmente se cansava.

    Enquanto não estavam juntos, tudo parecia mudo, só havia o som precioso, da sua voz.

    Beijos infinitos

    ResponderExcluir
  7. Lindo texto, como sempre e td aqui né?!rs...bjs

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto, como sempre e td aqui né?!rs...bjs

    ResponderExcluir
  9. Bela postagem, delicada, poética, romantica, fala de alma, sangue e amor, gostei muiiito do seu espaço é realmente uma delicadeza, pra vc minha linda poetiza bjos, bjos e bjosssssssss

    ResponderExcluir

Coisa boa de chamego