Deixo a vida me despedaçar em sorrisos, lágrimas, abraços, partidas, esperas, chegadas, esperanças renascidas.
Sou retalho alinhavado pela poesia.


Renata Fagundes


"... sejamos delicados e se necessário for, cruelmente delicados..." Affonso Romano de Sant'Anna









8 de fevereiro de 2011

Antes das pedras







"...ser ou não ser uma árvore com frutos vai depender de qual machado me corte, estar sujeito a quem vem até mim e repousa na minha sombra, come o meu fruto e não me rega. Sou dessas rosas do Noel que não fala, silenciosamente grita.

Guardo do fardo a esperança que um dia antes de me jogarem as pedras, me peçam os frutos!"


Maria Clara de Claro Lira










6 comentários:

  1. Ui ui ui... Isso me deixa "arrepiadamente" feliz!
    =D
    =**
    Bom dia pra cê, menina!

    ResponderExcluir
  2. Todos deveriam aprender a agradecer mais às sombras e frutos em vez de só enxergarem as folhas que caem.

    Beijos Doçura ;)

    ResponderExcluir
  3. Texto perfeito, trenzim!
    Bjim.

    @ChrisRibeiro

    ResponderExcluir
  4. Guardo do fardo a esperança que um dia antes de me jogarem as pedras, me peçam os frutos!"
    Lindo lindo muito lindo.
    Beijos:)

    ResponderExcluir
  5. As linda criações, e um espaço maravilhoso...estarei te seguindo.

    ResponderExcluir

Coisa boa de chamego