Deixo a vida me despedaçar em sorrisos, lágrimas, abraços, partidas, esperas, chegadas, esperanças renascidas.
Sou retalho alinhavado pela poesia.


Renata Fagundes


"... sejamos delicados e se necessário for, cruelmente delicados..." Affonso Romano de Sant'Anna









17 de janeiro de 2011

Me responda





“E quem pode comigo quando eu digo tudo que sinto?” 


Caio Fernando Abreu












 

8 comentários:

  1. É mesmo interessante, até nós nos surpreendemos quando externamos em palavras o que vai no coração.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Nem Deus...heheheh
    Bjs Cintilantona !!!!!

    ResponderExcluir
  3. Só poderá com o outro, quem entender que nesse momento, não se está forte e sim frágil, com o coração totalmente aberto.

    Se segurar com medo, foge, se com raiva quebra, poderá aquele que realmente aguentar o calor do coração.

    Beijos Vida!

    ResponderExcluir
  4. Ninguééém amiga!
    Beijos meus e uma semana linda pra ti!

    ResponderExcluir
  5. Ngm
    Essa frase é forte.. adoro
    beijo

    ResponderExcluir
  6. Ninguém pode...
    essa frase é forte, e deixa a cabecinha pensativa...

    beijos, boa semana

    ResponderExcluir
  7. Nem todos sabem ouvir o que tempos para dizer, o que vem de dentro, o que sentimos... Nem todos nos entendem...

    Beeijos,
    Marcella

    ResponderExcluir

Coisa boa de chamego